Tradições de Natal na Alemanha

Por Robson Neves

Aqui estamos a pouco menos de um mês para o natal e Berlim já está no clima natalino, os supermercados estão cheios de produtos típicos do natal, as feiras de natal começam hoje e as ruas e lojas já estão enfeitadas. E já que estamos no clima natalino, neste post eu quero falar sobre as tradições de Natal na Alemanha. Mesmo sendo uma festa comemorada em diversas partes do mundo, há algumas diferenças nos hábitos, costumes e tradições.

As diferenças já começam no período pré-natal, que na Alemanha é chamado de Adventszeit (“período do advento”). Este é um período contemplativo, nostálgico.

O Adventszeit dura cerca de quatro semanas e tem quatro Adventssonntag (“Domingo do advento”). O período começa no primeiro domingo do advento (“erster Adventssonntag”) e termina na noite do dia 24 de dezembro, que na Alemanha chama-se Heiliger Abend (“Noite Santa”). A data que cai o primeiro domingo do advento varia e neste ano de 2012, os domingos do advento serão nos dias: 02/12 (erster Adventssonntag), 09/12 (zweiter Adventssonntag), 16/12 (dritter Adventssonntag) e 23/12 (vierter Adventssonntag).  Em alguns destes domingos o comércio é aberto (este ano nos dias 09 e 23 de dezembro), assim as pessoas já podem ir fazendo suas compras de natal.

Além disto, há uma série de costumes e tradições relacionados com o período do advento:

Adventskranz

Meu Adventskranz – no segundo domingo do advento, com duas velas acesas

 Uma tradição é o Adventskranz – uma coroa de pinheiro decorada com 4 velas. As velas são acesas gradativamente nos domingos do advento, numa espécie de contagem regressiva. No primeiro domingo do advento acendemos a primeira vela, no segundo domingo acendemos a do domingo anterior + uma segunda vela, e assim por diante até o Natal. Nestes dias geralmente as famílias se reúnem para um almoço ou café e a(s) vela(s) são acesas.

O Adventskranz foi criado por um pastor evangélico chamado Johann Hinrich Wichern que cuidava de crianças em um orfanato em Hamburgo. Como no período do advento, as crianças sempre perguntavam quantos dias faltavam para o Natal, o pastor fez em 1839 o primeiro Kranz (coroa) de madeira com 19 velas pequenas vermelhas e 4 velas grandes brancas. As velas foram acesas sucessivamente – as pequenas nos dias da semana e as grandes nos domingos. Com o passar do tempo, o Kranz foi decorado com galhos de pinheiro pois na cultura germânica pinheiro representa vida e esperança.

Hoje em dia tanto pode-se comprar o Adventskranz pronto quanto fazê-lo por conta própria. Também pode-se comprar a coroa pronta e adicionar as velas e elementos decorativos à gosto, que é o que eu muitas vezes faço.

Adventskalender

Outra tradição natalina alemã é o Adventskalender (Calendário do Advento). Este é um calendário que vai do dia primeiro ao dia 24 de dezembro, ou seja, até o Natal. Cada dia tem uma janelinha fechada, as quais devem ser abertas nos seus respectivos dias. Atrás de cada janela esconde-se uma surpresa, sendo que a do dia 24 é a maior.

Há Adventskalender que esconde atrás de suas janelinhas imagens relacionadas a história do Natal. Outros escondem mini-livros, pequeno enfeites, ou pequenos brinquedos, mas o tipo mais comum é com chocolate. Os chocolates têm forma de estrela, papai Noel ou outras figuras relacionadas ao Natal.

Os supermercados e lojas tem uma variedade enorme e taí uma coisa que os turistas podem levar de lembrança desta época de Berlim. Eu acho uma coisa bem legal e diferente, que não temos no Brasil e com certeza deve agradar. A primeira vez que vim para cá, foi nesta época e quando voltei levei estes “calendários” para mostrar para minha família.

Fazer biscoitos

Isto é outra coisa típica na Alemanha, fazer biscoitos natalinos. No período de natal os mercados enchem suas prateleiras com os acessórios – livros de receita, pincéis, forminhas com formato de árvore de natal, estrela, botinha, etc. – para preparar os biscoitos.  Há diversas receitas, mas algumas são bem tradicionais como Zimtsterne (estrelinhas de canela) ou Vanillekipferl  (biscoito amateigado com baunilha). Algumas pessoas fazem, colocam em pacotinhos com motivos natalinos e distribuem para outros familiares. Mas principalmente as pessoas que tem criancas, e que cultivam esta tradicao, é que costumam fazer os biscoitos. Pois as criancas ajudam a fazer os biscoitinhos – a cortar a massa, a formar os desenhos, decorar, etc. Inclusive não é uma tradição só daqui, eu já vi na TV, a princesa da Noruega fazendo os biscoitos com seus filhos.

Tradições de natal na Alemanha Parte 2

Dia de São Nicolau

Na Alemanha no dia 06 de dezembro é comemorado o dia de São Nicolau. Principalmente as crianças comemoram esta data. Neste dia (ou melhor na noite anterior) as crianças devem colocar seus sapatinhos atrás da porta, pois São Nicolau trará chocolate, doces e lembrancinhas e deixará nos sapatinhos.

Nicolau, um bispo nascido na cidade de Myra (na Turquia) ficou conhecido por sua generosidade e afinidade com as crianças. Este bispo foi santificado pela igreja católica e é considerado pela mesma o verdadeiro Papai Noel.

Lembro que quando eu era criança, era isto que era dito para mim – para colocar o sapato atrás da porta para que Papai Noel colocasse o presente. Só que no dia 24 para 25 de dezembro. Vê-se que tal costume vem da crença católica.

Inclusive este tradicional Papai Noel (ou São Nicolau) não vestia uma roupa vermelha, mas sim uma roupa branca, uma batina típica dos bispos. A roupa vermelha como é atualmente conhecida foi obra da Coca-cola. Vejam o texto abaixo (fonte: Deutsche Welle):

” São Nicolau x Papai Noel – Há mais de 70 anos, o atual gordinho de roupas vermelhas tem disputado o lugar do velhinho de vestes brancas. Tudo começou em 1931, quando a poderosa multinacional Coca-Cola lançou uma propaganda com a nova versão de Santa Claus. O cartunista americano Thomas Nast foi o criador do atual Papai Noel, que na época apareceu nas telas da televisão oferecendo uma garrafa de refrigerante para uma garotinha. O marketing da empresa parece ter dado tão certo, que fez com que muitos, desde então, nem se dessem conta da existência de outro Papai Noel.”

 O dia 24 de dezembro

Este é o dia mais importante do Natal, é quando as famílias se reúnem (como no Brasil). A diferença é que tradicionalmente a árvore de natal é montada e decorada somente neste dia – isto eu me refiro às casas particulares, pois em lugares públicos as árvores são montadas antes. Outros enfeitos são colocados nas casas antes, mas a árvore geralmente é neste dia. As árvores são pinheiros naturais que as pessoas compram uns dias antes e no dia 24 as decoram e colocam os presentes embaixo dela (aqui em casa eu faço diferente – eu já monto e decoro a árvore quando compro, não sigo a tradição alemã. Mesmo porque acho uma pena deixar uma bela árvore montada e enfeitada por tão pouco tempo).

Outra diferença é que não tem uma ceia de natal tão rica, fartosa e opulenta como no Brasil. E também não tem um prato tão típico como o nosso peru ou pernil. Na família do meu marido sempre teve um jantar especial, mas sempre variado até que em um ano a esposa do tio dele nos saiu com uma de que a comida típica seria “salsicha com salada de batatas”! O meu marido ficou “indignado” pois na opinião dele isto não é comida para uma noite especial. Bom, fomos pesquisar na internet, em um fórum o que seria a comida típica para a noite de natal e o incrível é que cada pessoa diz uma coisa. Alguns dizem que seria o peixe carpa (que é comum por aqui) e muitos citaram a bendita “salsicha com salada de batatas”. Bom, como naquele ano a reunião foi aqui em casa, a comida foi tradicional brasileira: peru, arroz com frutas, etc.!

Após o jantar, os presentes são distribuídos e nas famílias mais tradicionais são cantadas músicas natalinas (principalmente quando tem crianças).

Erster Weihnachtsfeiertag e zweiter Weihnachtsfeiertag

O dia 25 de dezembro é chamado de “primeiro dia do natal” e é neste dia que geralmente as pessoas preparam uma ave, que aqui não é o peru, mas o ganso que é típico. O ganso assado é geralmente acompanhado com repolho roxo cozido e refinado com especiarias e Klösse (ou Knödel que são umas bolas de massa que eu chamo de nhocão quando tenho que explicar/traduzir para alguém).

E aqui na Alemanha tem também o “segundo dia de natal” (zweiter Weihnachtsfeiertag) que é no dia 26 de dezembro. É mais um dia de feriado, mas já não tem tanta tradição, as pessoas simplesmente aproveitam o dia livre.

Observação: para quem está a turismo na cidade, fiquem atentos com os horários de funcionamento das atrações da cidade no feriado de Natal, pois algumas coisas podem estar fechadas ou fechar mais cedo.

Fonte: Simplesmente Berlim

Anúncios

Willkommen deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s